Banco Daycoval

Relações com Investidores

Histórico

1968

1968

A Daycoval Distribuidora de Títulos e Valores Mobiliários (DTVM), primeira placa do grupo, nasceu em 1968. Eram tempos conturbados, política e economicamente, mas o ambiente adverso que cercava a instituição recém-fundada jamais se dissiparia por completo. Nem tampouco intimidaria uma casa que carregava em seu código genético a habilidade de navegar suavemente sob tempestade e, na bonança, com cautela. Traços marcantes da identidade, que permitiram ao Banco Daycoval cumprir sua trajetória de mais de meio século com entrega de resultados e crescimento consistentes, sempre a serviço dos clientes.

1970-89

1970 a 1989

Dois anos após a fundação, em 1970, foi inaugurada a Valco Corretora de Valores, agregando uma frente de prestação de serviços que seria essencial para atravessar os tempos de hiperinflação. Mas as frentes de atuação do banco se diversificaram drasticamente a partir de 1989, quando o Daycoval recebeu a carta patente para se tornar banco múltiplo.

1995-97

1995 a 1997

Mais tarde, em 1995, com a inflação já domada pelo Plano Real, a atuação do grupo se expandiu para o câmbio, serviço complementar às tradicionais operações de crédito. Em 1997, enquanto a turbulência no sudeste asiático rompia com um longo período de prosperidade nos mercados e suscitava preocupações, o Daycoval deu a largada na sua expansão regional, com a inauguração da primeira agência fora da capital paulista, em Campinas.

2004

2004

Na crise de liquidez de 2004, em meio a um período de retração para o setor, com algumas instituições nacionais em dificuldades e até algumas estrangeiras deixando o país, o Banco Daycoval mais uma vez expandia suas atividades. Naquele ano foi criada a Daycoval Asset Management, e também tiveram início as operações de crédito consignado para pessoas físicas, sob a marca Daycred.

2005-07

2005 a 2007

Após todo esse crescimento, a velha sede, na Marquês de Itu, em Santa Cecília, não comportava mais a operação. Em 2005, foi inaugurada a atual sede do Banco Daycoval, na Avenida Paulista, de onde, dois anos depois, mais precisamente em 29 de junho de 2007, foi realizada a oferta pública primária de ações do banco. A injeção de R$ 936,4 milhões no capital preparou a operação para fazer ainda mais.

2008

2008

Na edição de 21 de janeiro de 2008, o Diário Oficial da União informava que o Banco Central do Brasil concedera autorização ao Daycoval para a criação de filial nas Ilhas Cayman, aberta em 28 de maio daquele mesmo ano.

2012

2012

Dois meses depois, o Daycoval foi homologado pelo BNDES como Agente Financeiro Repassador. Assim o banco diversificava ainda mais o seu portfólio e ampliava a gama de serviços prestados aos clientes já fidelizados no crédito a empresas. O cruzamento entre esses negócios mantidos com o banco se tornou ainda mais fluida a partir de 2012, quando se iniciaram as operações com débito em conta.

2016

2016

No segundo semestre de 2016, em meio à crise que provocava a depreciação generalizada dos ativos em mercado, foi realizada a Oferta Pública de Aquisição das ações de emissão do Daycoval, adquiridas pela família fundadora e controladora do banco. Assim, o Daycoval permaneceu uma companhia de capital aberto, mas sem ações negociadas em bolsa de valores.

2020

2020

Em pouco mais de 50 anos de história, o Banco Daycoval se tornou um dos maiores bancos brasileiros, e iniciava 2020 com quase R$ 38 bilhões em Ativos Totais, incluindo uma Carteira de Crédito Ampliada que montava a R$ 26,2 bilhões, no encerramento do ano anterior. O Patrimônio Líquido somava R$ 3,9 bilhões. Bem mais do que cifras porém, o Daycoval é a casa de 2.457 pessoas, a maior parte delas concentradas na sede, na Avenida Paulista, mas também presentes nas 45 agências, distribuídas em 21 Estados brasileiros, mais o Distrito Federal.